FoodTechs: Tudo Sobre as Startups de Alimentos | Monte Carlo Alimentos
Dicas de Gestão Foodservice

Você já ouviu falar em FoodTechs?

Beatriz Brasil,

13 dezembro 2021

Saiba o que são as FoodTechs e porque essas empresas são tão importantes para o setor Food Service.

 

Após um longo período de incertezas provocadas pela pandemia da Covid-19, finalmente o setor de alimentação fora do lar está retomando a normalidade e, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (Abia), em 2022 terá se recuperado totalmente da crise.

 

Nesse cenário, as FoodTechs são uma pauta cada vez mais abordada por especialistas da área, pois com elas vemos as tendências para o futuro do setor.

 

Em nosso último conteúdo, “Como o Food Service tem encarado o mercado de dietas restritivas?”, falamos um pouco sobre os diferentes públicos e suas necessidades alimentares, e como criar cardápios diferenciados faz parte do futuro do setor food service.

 

Quer saber onde as FoodTechs entram nisso? Calma! A gente já te explica…

 

Mas primeiro: o que são FoodTechs?

 

As Foodtechs são startups que incorporam a tecnologia no processo de desenvolvimento de produtos alimentícios, criando soluções inovadoras e novas oportunidades para esse mercado. 

 

O propósito de empresas como as foodtech é identificar as principais necessidades do setor de alimentação e, com o uso da tecnologia, criar formas ágeis e práticas de resolvê-las. Elas representam os diversos processos que compõem a cadeia food service, como:

 

  • Produção
  • Distribuição
  • Venda
  • Consumo
  • E demais serviços relacionados

 

A previsão é que as FoodTechs movimentarão R$ 980 bilhões até 2022 em todo o mundo. E é claro, um nicho tão promissor atrai a atenção de grandes nomes, como o Jeff Bezos, dono da Amazon, por exemplo. 

 

E quais são as vantagens das FoodTechs para o Food Service?

 

Agora que você já entendeu melhor o que são as FoodTechs, deve estar se perguntando quais são as principais vantagens que elas podem oferecer para o setor de alimentação fora do lar.

 

Como foi dito no bloco anterior, essas empresas beneficiam não apenas os operadores, mas toda a cadeia food service. Com elas, podemos observar:

 

  • Desenvolvimento de novos produtos para públicos diversos
  • Redução do desperdício durante os processos
  • Otimização de recursos e da operação logística 
  • Melhora nas vendas e no relacionamento com o consumidor
  • Entrega de soluções mais eficientes e com melhor custo benefício
  • Muito mais!

 

Ok! Mas qual é o impacto das FoodTechs para o consumidor?

 

A união entre tecnologia e alimentação está cada vez mais presente nas vidas dos consumidores. O público brasileiro, em especial, é um dos mais preocupados com a qualidade dos alimentos que consome.

 

É isso que mostra a pesquisa feita pelo Instituto QualiBest em 2021, onde 75% dos entrevistados assumiram gostar de comprar comidas saborosas, frescas e que ajudam a melhorar a imunidade e o bem-estar.

 

Mirando este público, as FoodTechs como Liveup e Fazenda do Futuro encontram no público uma grande aceitação de seus produtos orgânicos e alimentos plant-based, respectivamente. 

 

E muito se engana quem pensa que essas marcas estão interessadas apenas no público vegano e vegetariano. O objetivo dessas empresas é atrair todos que procuram alternativas mais saudáveis e sustentáveis de comer bem.

 

O resultado desse investimento não poderia ser melhor. Nascida em 2019, hoje a Fazenda do Futuro já vale mais de R$ 2 bilhões e busca expandir sua operação para o exterior. O sucesso meteórico dessa e de outras empresas está atrelado à sua percepção da mudança no comportamento de compra e consumo.

 

Com consumidores cada vez mais exigentes que têm acesso ilimitado à informação, as Foodtechs trabalham para suprir as novas demandas criadas por um público que busca uma alimentação mais saudável, porém com mais praticidade.

 

E graças ao uso da tecnologia, essas startups criam soluções eficientes para contornar esses desafios e entregar novos alimentos que suprem as necessidades desse perfil de consumidores.

 

Conheça o novo site da Monte Carlo Alimentos!

 

Se você chegou até aqui e curtiu esse conteúdo, não deixe de visitar as outras matérias em nosso blog! 

 

Aqui você encontra uma base de conhecimento com várias dicas e novidades do setor food service com a curadoria realizada especialmente por nossa CEO, Ana Paula Coelho.

 

São diversos temas que abordam técnicas de gestão e operação de estabelecimentos de alimentação fora do lar, tudo para fazer seu negócio prosperar cada vez mais!

 

E para receber as notificações de novos conteúdos, siga-nos no Instagram.

Compartilhe esse conteúdo:

Leia também:

Entre em Contato